Search
  • Erika Pallottino

O luto é a resposta do amor


Essa é mais do que uma imagem tocante, ela é arrebatadora pela força do amor que a envolve.

Esse é o Cosmos, um Golden Retriever de 13 anos, cachorro do cantor Kid Vinil, morto hoje. Cosmos foi levado ao funeral do dono e ali, ao lado do seu caixão, ficou.

Em outra foto que circulou nas redes sociais, Cosmos aparece sendo levantado, conseguindo ficar bem perto do rosto do seu dono. Ali, bem junto de Kid Vinil, ele parece se despedir. Sua feição é de tristeza.

A dor da perda parece mesmo ser universal.

John Bowlby, precursor da Teoria do Apego, nos apresentou em seu livro "Apego" (o 1o volume de sua trilogia), um estudo de grande relevância relacionado ao mundo animal. Ele demonstra reações de formação e rompimento de vínculo em diversos animais como, ganso, macacos, aves, etc. Bowlby foi estudar a Etologia (o comportamento dos animais), para entender o comportamento dos homens.

Vimos isso claramente nessa foto. O animal que teve um cuidado exclusivo e amoroso ao longo de 13 anos, agora, sem o dono, parece sofrer.

Onde existiu amor, existirá luto e dor quando houver rompimento.

Onde existiu laço e força afetiva, existirá sofrimento e angústia frente ao desaparecimento.

Colin Parkes, pupilo de Bowlby e umas das referências mundiais na clínica com enlutados, diz que a amor e perda são dois lados da mesma moeda.

Amor é um risco sempre, porque podemos perder a qualquer momento.

A morte chega e arranca o ser amado de nossas vidas, deixando um profundo vazio e, transitoriamente, o mundo fica embolado, a vida despreparada, os afetos espalhados.

No homem e no animal, a perda faz doer e rasgar o nosso coração.

RIP Kid Vinil.

Fique bem, Cosmos.


131 views0 comments

Recent Posts

See All